Cirurgia de laqueadura não tem obrigação de resultado

Foi negada indenização a uma mulher que engravidou mesmo após se submeter à cirurgia de laqueadura tubária. A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás seguiu, à unanimidade, o voto do desembargador Alan Sebastião de Sena Conceição (foto), que observou que a paciente foi informada quanto à possibilidade de falha do tratamento de esterilização.

Leia mais...
 
 

Designada equipe de transição para biênio 2015/2017 do TJGO

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Ney Teles de Paula, designou equipe de transição para o novo mandato bienal, que se inicia em 1º de fevereiro do próximo ano, atendendo a pedido do presidente eleito, desembargador Leobino Valente Chaves. O desembargador Carlos Alberto França foi indicado como coordenador da comissão, cuja primeira reunião será realizada nesta quinta-feira (27).

Leia mais...